Em 5 dias, Itu e Indaiatuba somam 15 mortes por covid

  • Foram 7 em Itu e 8 em Indaiatuba;
  • Há novos casos de contaminados em todas as cidades;
  • UTI da rede privada voltou a ficar lotada em Indaiatuba

Novos casos e mortes na região

Entre os dias 31 de dezembro e esta segunda-feira, 04 de janeiro, período em que a maioria das Prefeituras não divulgou os boletins epidemiológicos referentes à pandemia de covid-19, 15 óbitos foram registrados, sendo 7 em Itu e 8 em Indaiatuba.

Segundo a Secretaria de Saúde de Itu, as 7 mortes foram de pacientes com idade entre 61 e 89 anos, todos internados em hospitais locais. No mesmo período, a cidade também diagnosticou 247 novos infectados pelo coronavírus. Com isso, totaliza 5.657 casos confirmados, sendo que 135 morreram e 5.266 se recuperaram. Há 139 suspeitos aguardando resultados de exames, 19 pacientes internados em leito clínico e 8 em UTI.

A taxa de ocupação das UTIs está em 87,5% no Hospital Municipal e 66,66% no Hospital de Campanha.

Em Indaiatuba, foram 8 mortes e 194 novos casos no período entre 31 de dezembro e 04 de janeiro. Os óbitos ocorreram no Haoc (Hospital Augusto de Oliveira Camargo) e no Hospital Santa Ignês, sendo de pacientes de ambos os sexos com idade entre 60 e 74 anos.

Desde o início da pandemia, 11.525 pessoas contraíram a doença no município. Desses, 299 morreram e 11.188 são considerados curados ou estão em recuperação domiciliar. Há 1.418 suspeitos aguardando resultados de testes.

Nesta segunda, 04, há 62 internados, dos quais 38 estão confirmados para covid-19. Do total, 25 estão em leitos clínicos e 37 em UTI. A taxa de ocupação das UTIs está em 67% no Haoc, 88% nos leitos extras de Campinas e 100% no Hospital Santa Ignês, da rede privada.

A Prefeitura de Salto, que está sob nova administração, não informou o boletim epidemiológico nesta segunda-feira, dia 04. O último levantamento encaminhado à imprensa foi no dia 30 de dezembro e apontava para um total de 4.402 casos desde o começo da pandemia, sendo que 87 morreram, 4.278 se recuperaram e 8 estavam internados (sendo 4 em UTI). No dia 30, a UTI da rede pública estava lotada. A Assessoria de Imprensa do novo governo saltense prometeu retomar os boletins diários até a próxima quarta-feira, 06.

 

foto: BIRF