Região tem mais 9 mortes por covid; Indaiatuba acrescenta 5 óbitos após correção do Ministério da Saúde

  • Foram 4 mortes em Salto, 3 em Itu e 2 em Indaiatuba;
  • Após correção do sistema, o Ministério da Saúde acrescentou mais 5 mortes não registradas pela Prefeitura de Indaiatuba, que agora chega a 169 no total;
  • Salto foi a cidade com maior número de novos casos no final de semana: 73

 

A região de cobertura da Revista Regional teve mais 9 mortes por covid no período de sábado a segunda-feira, 31 de agosto. Foram 4 óbitos em Salto, 3 em Itu e mais 2 em Indaiatuba. Porém, Indaiatuba teve 5 mortes computadas após correção do Sistema de Informação de Mortalidade do Ministério da Saúde. Veja a atualização da pandemia neste dia 31 de agosto na região.

Região soma mais mortes por covid

Em Indaiatuba, as duas mortes ocorreram no Haoc (Hospital Augusto de Oliveira Camargo): dois homens, de 60 e 79 anos. A Prefeitura recebeu nesta segunda-feira a informação de que outros cinco óbitos foram incluídos na estatística da cidade após correção do banco de dados do SIM (Sistema de Informação de Mortalidade) do Ministério da Saúde. Sendo assim, sobe para 169 o total de mortes pela doença no município.

Todos esses casos ocorreram entre os meses de maio e junho e não haviam sido registrados pela Prefeitura na época: no dia 29 de junho morreu um homem de 65 anos, internado no Haoc; dia 07 do mesmo mês, uma mulher de 61, na Unicamp; em 25 de maio, outro homem, de 62 anos, no Haoc; dia 20 de maio, mais um paciente de 38 anos que estava no mesmo hospital de Indaiatuba; e em 11 de maio, um homem de 75 anos, também no Haoc.

No período de sábado, 29, a esta segunda, 31, Indaiatuba confirmou mais 68 novos infectados, somando agora 5.908 confirmados desde o início do surto de covid, sendo que 169 morreram, 5.697 são considerados curados ou estão em recuperação domiciliar e 42 confirmados continuam internados. Ainda há outros 298 casos suspeitos aguardando resultado de testes. Atualmente, há 41 pessoas internadas em leito clínico e 27 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). A taxa de ocupação das UTIs está em 88% no Haoc e 50% no Hospital Santa Ignês 50%.

Salto teve mais 4 óbitos registrados nesta segunda-feira: duas mulheres, de 79 e 92 anos; e dois homens, de 69 e 73 anos. As mortes, segundo informou a Prefeitura de Salto, ocorreram entre os dias 24 e 29 de agosto. Todos os pacientes estavam internados no Hospital Municipal.

A cidade confirmou mais 73 novos casos de covid e voltou a ser a cidade da região com o maior número de novos infectados. Com isso, Salto soma 1.934 registros de contaminados desde o começo da epidemia, sendo que 52 morreram, 1.793 se recuperaram, 14 seguem internados (sendo 4 em UTI) e 75 estão em isolamento domiciliar.

Ainda há 75 suspeitos que aguardam resultados de exames. Destes, 61 estão em isolamento domiciliar, 10 em internação clínica e há 3 óbitos suspeitos de covid. A taxa de ocupação da UTI do Hospital Municipal está em 33%.

Itu foi outra cidade com mortes por covid no final de semana: mais 3, sendo duas mulheres, com 85 e 92 anos, e um homem, de 48. Todos estavam internados em hospitais locais. A cidade também confirmou mais 34 infectados no período de sábado a segunda-feira e contabiliza agora 2.410 casos confirmados, sendo que 80 morreram e 2.151 se recuperaram. Há 69 suspeitos à espera de resultados de testes.

Itu tem 9 pacientes internados em leito clínico para covid e 8 em UTI. Também há uma morte suspeita da doença.  A taxa de ocupação das UTIs está em 75% no Hospital Municipal e não há nenhum paciente na UTI do Hospital de Campanha.

 

foto: BIRF