Indaiatuba confirma 8ª morte por covid; casos aumentam em toda a região

Casos de covid-19 aumentam em todo o Interior paulista

Cidade com maior número de casos de covid na região, Indaiatuba registrou, nesta quinta-feira, 2 mortes suspeitas e 1 confirmada; casos passam de 70; Itu e Salto também têm novos registros

 

Os casos confirmados do novo coronavírus começam a crescer em toda a região, confirmando estudo da Unesp divulgado no mês passado de que haveria um aumento de covid-19 no Interior a partir de maio. O governo do Estado informou nesta quinta-feira que um levantamento estatístico elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento Regional aponta avanço do coronavírus em 38 novas cidades paulistas a cada 3 dias. A evolução acelerada da contaminação no Interior ocorre ao mesmo tempo em que caiu a taxa de isolamento social em todas as regiões. Os dados, segundo o governo, são alerta para que as 645 prefeituras do Estado mantenham medidas de conscientização da população sobre a importância do distanciamento social.

 

A Prefeitura de Indaiatuba, por meio da Secretaria de Saúde confirmou nesta quinta-feira (7), o oitavo óbito no município vítima da covid-19. O paciente, homem 30 anos, estava internado na UTI do Haoc (Hospital Augusto de Oliveira Camargo) desde o dia 18 de abril, apresentava comorbidades como diabetes e obesidade.

 

O rapaz era filho e enteado de colaboradores da Secretaria de Saúde da cidade. O governo local divulgou uma nota lamentando o ocorrido e reconhecendo todos os esforços das equipes de saúde. “Neste momento reconhecemos os esforços dos nossos profissionais de saúde nessa luta contra o coronavírus. A Prefeitura de Indaiatuba agradece e respeita todo empenho e dedicação da equipe. Aguente firme, vai passar”, ressalta a nota, que é finalizada pedindo a colaboração de todos os indaiatubanos: “Da mesma maneira pedimos a colaboração de toda a população com as medidas de prevenção como o distanciamento social, a higienização constante das mãos e dos ambientes. A partir de hoje (7) é obrigatório o uso de máscaras em via pública e estabelecimentos de acordo com o decreto estadual. A batalha contra o coronavírus é de todos, faça sua parte para diminuição da transmissão da covid-19. Fiquem em casa.”

 

Ainda nesta quinta-feira, segundo o boletim da Prefeitura, mais 2 óbitos suspeitos foram contabilizados, um homem de 76 anos, com histórico de doença pulmonar crônica, foi levado para UPA (Unidade de Pronto Atendimento) pela ambulância, mas não resistiu, foi coletado material pós-óbito e enviado para o Instituto Adolfo Lutz para análise. Outro paciente, homem de 55 anos, internado no Haoc desde o dia 3 de maio, sem comorbidades, foi a óbito ontem (6), o material foi colhido e enviado para análise, aguardando resultado até o momento.

 

Até este momento foram acrescentadas mais 19 notificações de casos suspeitos, mais 2 positivos para covid-19; outros 13 descartes e mais 2 recuperados. Sendo assim, até este momento a situação de Indaiatuba é de 71 infectados pelo novo coronavírus, sendo que 8 vieram a óbito; 59 estão curados e 4 confirmados estão em leito clínico. Ainda há 6 mortes em investigação e outros 71 casos suspeitos aguardando resultado.

 

Em Itu, também houve aumento no número de casos confirmados. Agora são 28 no total oficial, com 33 pacientes ainda à espera de resultados de exames (destes, 12 internados e 5 em UTI). Até o momento, 13 casos de cura foram comunicados pela Prefeitura. A cidade atinge o número de 6 mortes e há 2 óbitos por suspeita de coronavírus. O sexto óbito registrado em Itu é de um homem de 80 anos, que possuía doenças pré-existentes.

 

Salto tem até esta quinta-feira 14 casos confirmados, 12 recuperados e 2 internados, sendo 1 em UTI. Há 8 testados que aguardam resultados (destes, 3 em internação clínica e 3 em isolamento domiciliar). A cidade recebeu até agora 100 notificações de casos suspeitos, todos residentes em Salto.

 

Foto: BIRF