Esmeralda Macedo Serpa lança livro sobre turismo e patrimônio

Esmeralda, que acaba de lançar livro sobre turismo e patrimônio

Mestre em Educação, Esmeralda Macedo Serpa é uma estudiosa do Turismo no Brasil e acaba de lançar mais um livro, o “Turismo, Patrimônio e Regionalização”, resultado da pesquisa desenvolvida por professores do Eixo Tecnológico de Turismo, Hospitalidade e Lazer do Centro Paula Souza. A obra traz temas como as dimensões do turismo, turismo cultural, roteiros e muito mais.

Esmeralda é graduada em Turismo pelo Centro Universitário IberoAmericano e Mestre em Educação pela Universidade de Sorocaba. Atualmente, é professora titular e responsável por projetos no Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza (Ceeteps) e, também, professora do Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Turismo, nas Fatec São Paulo e São Roque. Sua carreira no Turismo começou cedo. “Entrei na faculdade de Turismo com 17 anos. Durante muitos anos, mais de 20, eu trabalhei em empresas de turismo de diversos segmentos. Há 20, eu me mudei para Itu e comecei minha carreira de docente”, conta. Com diversos livros sobre turismo publicados, ela também foi professora no curso de Turismo da ETC “Martinho de Ciero” e do Ceunsp, onde escreveu os cursos de Eventos, Hotelaria e Gastronomia. “Eu fico muito feliz quando vejo pessoas que foram formadas na ETEC trabalhando com Turismo até hoje. Ela foi a primeira escola pública a credenciar guias de turismo e lamento muito que Itu, sendo uma Estância Turística, não tenha mais esses cursos. Torço para que um dia eles sejam retomados”, ressalta.

Professora há mais de duas décadas, Esmeralda já trabalhou no Brasil, Espanha, Israel, Grécia, entre outros países, sempre com turismo. “Acho que minha formação foi bastante abrangente. Quando entrei para carreira docente, trouxe uma experiência que é o meu grande diferencial. Vivi coisas como subir o Monte Sinai, tomar café com os beduínos e outras experiências que hoje vejo como presentes. No turismo de experiência há essa possibilidade. Ele é feito para você viver experiências gastronômicas, em comunidades e vivenciar coisas em pequena escala”, explica ela, que já está pensando num próximo livro com esse assunto.

Questionada sobre o setor no Brasil, Esmeralda afirma que há muitas regiões que ainda necessitam de investimento e que a gestão pública precisa levar o turismo a sério. “O turismo é um grande gerador de economia. Nosso país é um produto de exportação. Então com isso, ele aumenta nosso PIB. Mas eu acho que ainda falta um pouco mais de

entendimento das autoridades nessa área”, finaliza a professora e já avisa que vem livro novo em breve, sempre falando de turismo, claro!

texto e foto: Gisele Scaravelli