Itu assina convênio de R$ 100 milhões para obras hídricas

Trabalhos incluem a construção da Linha 02 do Sistema Mombaça e novo reservatório com capacidade de 3 milhões de litros no Pirapitingui

Guilherme Gazzola assina convênio para investimento de R$ 100 milhões em obras hídricas

O prefeito de Itu Guilherme Gazzola assinou na terça-feira, 17, o contrato do Finisa (Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento) oferecido pela Caixa Econômica Federal voltado ao setor público no valor de R$ 100 milhões. O recurso será aplicado em obras hídricas.

Um dos investimentos é a construção da Linha 02 do Sistema Mombaça, principal aporte de abastecimento da população ituana inaugurado pela CIS (Companhia Ituana de Saneamento) em 2018. O manancial teve outorga ampliada e passará a oferecer 600 litros de água por segundo para tratamento. A outorga anterior era de 250 litros de água por segundo.

Além disso, segundo o governo ituano, está prevista a construção de um novo reservatório de água tratada com capacidade para 3 milhões de litros na região do Pirapitingui. De acordo com Guilherme, os trâmites licitatórios para execução de cada projeto estão em andamento e as obras devem começar entre o segundo semestre deste ano e o início de 2023.

“Para garantir recursos tão expressivos é necessário ter o nome limpo na praça. Hoje, a Prefeitura de Itu mantém seus compromissos e suas contas estão em dia. Agradeço o trabalho de cada gestor, de cada pasta desta administração, que impulsionam o crescimento de nossa cidade”, pontua o prefeito.

Estiveram presentes na ocasião o superintendente da CIS, Reginaldo Santos; os representantes da CEF, Rogério Amaral, Selma Cernausan e Carlos Henrique Maganha Pompeu; e outros colaboradores das instituições.

 

foto: Pref. Itu