Em 1 semana, região tem 7 óbitos e 6,8 mil novos casos de covid

  • Com a variante ômicron, região vê aumentar os casos da doença, além de novas mortes;
  • Hospitais voltam a ter alas lotadas de pacientes com covid;
  • Vacinação avança, mas governos pedem que os faltosos retornem aos postos para a segunda dose e a vacina de reforço

Crescem casos positivos de covid na região

A área de cobertura da Revista Regional registrou 7 novas mortes em decorrência da covid e uma alta de casos da doença entre os dias 15 e 21 de janeiro. Foram 6.857 novos contaminados, a maioria deles em Indaiatuba, que teve 4.170 doentes em uma semana.

Itu, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, teve 4 mortos por covid no período de 15 a 21 de janeiro, além de 2.035 novos casos positivos. Os pacientes mortos tinham entre 67 e 91 anos. Com isso, a cidade totaliza 25.631 contaminados desde o começo da pandemia, 551 óbitos e 22.991 recuperados. A taxa de ocupação de leitos na Santa Casa está em 70% tanto na Enfermaria quanto na UTI.

Indaiatuba, desde o início da crise sanitária, teve 40.525 registros positivos de covid, sendo que 803 morreram e 39.719 são considerados curados ou estão em recuperação domiciliar. Na semana de 15 a 21 de janeiro, foram contabilizados 4.170 casos da doença e 2 óbitos, sendo de 1 homem de 64 anos e outro de 81. A Enfermaria do Hospital Santa Ignês está lotada e a do Haoc tem 85% de ocupação. Já os leitos intensivos têm 80% de ocupação no Haoc e 50% no Santa Ignês.

Salto, segundo os últimos balanços diários, entre 15 e 21 de janeiro, confirmou 1 óbito e 652 casos da doença. O governo saltense não divulgou detalhes sobre o paciente morto. O Hospital Municipal está com a UTI lotada e possui 26% de leitos ocupados na Enfermaria. Na Unimed, a ala clínica está com 14% de ocupação e a UTI com 50%. O acumulado de casos e mortes não está mais sendo divulgado pela Prefeitura de Salto, afetando a transparência dos dados da pandemia.

VACINA SIM!

O governo do Estado e as Prefeituras estão fazendo apelo para que os cidadãos que ainda não tomaram a segunda dose ou a vacina de reforço (caso tenham sido convocados) retornem aos postos para a imunização completa. Somente com todas as doses da vacina é possível ter uma proteção maior contra a covid.

Acompanhe os números de vacinados na região, segundo levantamento feito pela Revista Regional.

– Indaiatuba: 214.686 foram vacinados com a primeira dose; 214.985 com dose única ou segunda dose; e 99.352 com a dose de reforço;

– Itu: 148.844 receberam a primeira dose; 138.851, a segunda; 54.207; a dose adicional; e 5.159, dose única;

– Salto: 105.502 pessoas receberam a primeira dose; 96.041, a segunda ou dose única; e 34.766, a terceira.

 

foto: BIRF