Casos de covid aumentam, mas hospitalizações caem; Itu sai na frente e já vacina crianças

  • Foram registradas 2 mortes por covid (1 em Salto e outra em Indaiatuba) no período de 08 a 14 de janeiro;
  • Casos positivos aumentaram, mas internações seguem em baixa, graças ao avanço da vacinação;
  • Crianças começam a ser imunizadas em Itu

Vacinação garante menos casos graves e mortes por covid

A área de cobertura da Revista Regional registrou 2 novas mortes em decorrência da covid e uma alta de casos da doença entre os dias 08 e 14 de janeiro, mas as internações se mantiveram estáveis. Para especialistas, a redução nos casos graves que necessitam de hospitalização se deve ao avanço da vacinação contra a doença. Esta semana, o Estado inicia a imunização das crianças.

A Secretaria de Saúde de Indaiatuba informa que entre 08 e 14 de janeiro foi confirmada a morte de 1 paciente de 59 anos que estava internado no Haoc. Nesse mesmo período a cidade contabilizou mais 2.664 infectados, totalizando 36.355 casos desde o início da pandemia, 801 óbitos e 35.553 pessoas consideradas curadas ou em recuperação domiciliar. Os leitos clínicos estão com 90% de ocupação no Haoc e 67% no Hospital Santa Ignês. Já as UTIs têm 60% de leitos ocupados no Haoc e segue lotada no Santa Ignês, que reduziu, ainda em 2021, o número de vagas por conta da queda nas internações.

Itu não teve mortes por covid no período e, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, registrou 1.453 casos positivos da doença, somando 23.596 desde 2020, com 547 mortes e 21.773 recuperados. Na Santa Casa, a taxa de ocupação de leitos está em 30% na Enfermaria e 50% na UTI.

Salto, segundo os últimos balanços diários, entre 08 e 14 de janeiro, confirmou 1 óbito e 384 casos da doença. O governo saltense não divulgou detalhes sobre o paciente morto. O Hospital Municipal está com 22% de leitos ocupados na Enfermaria e 50% na UTI. Na Unimed, a ala clínica está vazia e a UTI com 17% de ocupação. O acumulado de casos e mortes não está mais sendo divulgado pela Prefeitura de Salto, afetando a transparência dos dados da pandemia.

VACINA SIM!

Acompanhe os números de vacinados na região, segundo levantamento feito pela Revista Regional.

– Indaiatuba: 214.062 foram vacinados com a primeira dose; 214.875 com dose única ou segunda dose; e 88.631 com a dose de reforço;

– Itu: 148.285 receberam a primeira dose; 138.249, a segunda; 48.437, a dose adicional; e 5.159, dose única;

– Salto: 105.034 pessoas receberam a primeira dose; 95.644, a segunda ou dose única; e 30.544, a terceira.

A VEZ DAS CRIANÇAS

Das cidades da área de cobertura da Revista Regional, Itu é a primeira a iniciar a vacinação das crianças de 05 a 11 anos, nesta segunda-feira, 17. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, serão imunizadas, primeiramente, as crianças com deficiência permanente ou comorbidade considerada pelo Ministério da Saúde.

A vacinação para esse público ocorre de segunda a sexta-feira nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), das 7h às 17h; e no Centro de Imunização do Rancho Grande (UBS 05) e na UBS 02, no Jardim União, das 7h às 19h. No sábado, 22, a vacinação será no Centro de Imunização do Rancho Grande e na UBS 02, das 8h às 14h. Para comprovar a comorbidade será necessário apresentar: exames, receitas, relatório médico, prescrição médica. Vale destacar que cadastros já existentes nas UBS poderão ser utilizados.

O governo de Indaiatuba informou através de seu site oficial que não tem data certa para iniciar a campanha para o público infantil, porém os responsáveis pelas crianças devem anexar no sistema Minha Vacina, onde é feito o cadastro, exames, receitas, relatórios e prescrições médicas, que serão avaliados pelas equipes médicas da Secretaria de Saúde. As convocações, ainda segundo o site da Prefeitura, chegarão no e-mail cadastrado e estarão disponíveis no Minha Vacina.

A Prefeitura de Salto, por meio da Secretaria da Saúde, informou que iniciará a vacinação das crianças contra a covid-19 na terça-feira, dia 18. Inicialmente será contemplado o público de 05 a 11 anos com comorbidades. A cidade, de acordo com o governo local, recebeu as primeiras doses em número reduzido (530) e, por isso, a divulgação das próximas datas de vacinação será feita mediante o recebimento de mais imunizantes. A aplicação ocorrerá das 9h às 12h em todos os postos de saúde da cidade, exceto nos bairros Donalísio e Salto de São José, nos quais será realizada nas escolas. A Secretaria da Saúde de Salto orienta pais ou responsáveis para que façam o pré-cadastro das crianças no site VacinaJá e lembra que a apresentação de carta médica, comprovando a comorbidade, será obrigatória.

 

foto: BIRF