Indaiatuba tem mais 4 óbitos por covid; Doria libera horário do comércio

  • Na região, apenas Indaiatuba teve novas mortes por covid confirmadas nesta terça-feira, 17;
  • Governo do Estado anunciou a liberação do limite de público e horário de funcionamento do comércio

Novas mortes por covid em Indaiatuba

A Secretaria de Saúde de Indaiatuba informou nesta terça-feira, 17, que foram registrados mais 4 óbitos por covid na cidade. As vítimas tinham entre 33 e 84 anos. No período, 47 casos positivos foram diagnosticados e há 12 suspeitos esperando resultados. Desde o início da pandemia, 30.611 pessoas contraíram o coronavírus em Indaiatuba. Dessas, 750 morreram e 29.822 são consideradas curadas ou estão em recuperação domiciliar. Os leitos clínicos estão com 50% de ocupação no Haoc e 63% no Santa Ignês. Já as UTIs têm 88% de leitos ocupados no Haoc e 57% no Santa Ignês.

Em Itu, não houve mortes por covid confirmadas nesta terça, 17, e a Secretaria de Saúde registrou 22 infectados, totalizando 20.895 casos confirmados, 521 mortes e 20.122 recuperados. Há 8 suspeitos aguardando resultados, 11 pacientes internados em leitos clínicos e 9 em UTI. No Hospital de Campanha, a UTI segue vazia e a Enfermaria está com 23% de ocupação. Já na Santa Casa, 52% dos leitos de UTI estão ocupados.

A Prefeitura de Salto não divulgou novo boletim até as 10h30 desta quarta, 18. O último balanço apontava 12.492 casos desde o início da crise sanitária, 393 mortos e 12.100 recuperados. A rede pública permanecia com a UTI lotada. Na Unimed, a unidade intensiva tinha 33% de ocupação e a Enfermaria, 11%. Já a ala clínica do Hospital Municipal estava com 61% dos leitos ocupados.

LIBERAÇÃO DO COMÉRCIO

Desde terça-feira, 17, o Estado de São Paulo liberou o limite de capacidade de público e horário do comércio. Contudo, continua valendo a obrigatoriedade para máscaras, distanciamento e protocolos de higiene.

Além disso, serão liberados os eventos e feiras com controle de público. Em relação a torcidas em estádios, shows e pistas de dança, a previsão é de que sejam autorizados a partir de 1º de novembro.

De acordo com o governo paulista, as Prefeituras manterão autonomia para determinar rigidez de restrições se as circunstâncias locais da pandemia e capacidade hospitalar tiverem piora.

VACINA SIM!

Acompanhe os números de vacinados contra a covid na região, conforme levantamento feito pela Revista Regional:

– Indaiatuba: 184.021 foram vacinados com a primeira dose e 76.356 com dose única ou segunda dose;

– Itu: 124.573 receberam a primeira dose, 42.490, a segunda, e 5.159, dose única;

– Salto: 85.905 pessoas receberam a primeira dose e 28.810, a segunda ou dose única.

 

foto: BIRF