Sinfônica de Indaiatuba abre ‘Festival de Inverno’

Músicos integram a agenda do evento com três concertos, incluindo apresentação da Orquestra Jovem

 

A Orquestra Sinfônica de Indaiatuba e a Orquestra Jovem de Indaiatuba integram a programação do terceiro Festival de Inverno da cidade com início neste sábado, 10. Os concertos acontecem nos dias 10, 24 e 30, sempre às 20h, por transmissão on-line. Foram convidados o violonista Rafael Thomaz e o violinista Cármelo de Los Santos.

Orquestra Sinfônica de Indaiatuba abre o 3º Festival de Inverno

A Orquestra Sinfônica de Indaiatuba abre o Festival neste sábado, 10, às 20h, com um ar mais intimista e repertório escrito, majoritariamente, para orquestra de cordas. Sob a direção artística e regência do maestro Paulo de Paula, os músicos executarão obras de compositores brasileiros como Ernesto Nazareth, Capiba, Adauto Santos, Cesar Frank e o indaiatubano Nabor Pires de Camargo.

Além disso, para apresentar o Concerto em Ré Maior RV 93 (para violão e orquestra de cordas), do italiano Antonio Vivaldi, a orquestra convidou o violonista Rafael Thomaz, doutor em música pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e dono de uma extensa experiência musical na música erudita e na música popular. Em sua discografia, coleciona três álbuns autorais. Já a Orquestra Jovem de Indaiatuba assume o papel de explorar a conexão da música através da história no concerto realizado no dia 24. Essa busca se desenvolve a partir de uma abordagem da obra de artistas de diferentes séculos, em que os sucessos da banda inglesa The Beatles se mesclam com dois grandes compositores também europeus, o londrino Henry Purcell e o italiano Vivaldi. A direção artística e regência são do maestro Felipe Oliveira.

Por fim, no dia 30, a Sinfônica retorna, desta vez com a peça As Quatro Estações Portenhas, do compositor argentino Astor Piazzolla. Dividida em quatro movimentos – Verão Portenho (1964), Outono Portenho (1969), Primavera Portenha e Inverno Portenho (1970) – esta obra icônica e carregada de influências do tango e do jazz é frequentemente apontada como um contraponto moderno da célebre As Quatros Estações, de Vivaldi.

O violinista Cármelo de los Santos é o convidado especial deste concerto, trazendo uma grande bagagem como solista, camerista e pedagogo. O músico já foi convidado para solar em mais de 40 orquestras, de várias nacionalidades, e atuou com renomados regentes. Atualmente, toca um violino J.B. Vuillaume de 1828. A experiência de Cármelo e a direção artística e regência do maestro Paulo de Paula se somam à beleza desse espetáculo, que será transmitido da Sala Acrísio de Camargo, no Ciaei (Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba).

MAIS: Como assistir? Para prestigiar basta acessar, na data e no horário das apresentações, o site da Prefeitura Municipal de Indaiatuba e buscar a aba ‘Cultura Online’. A realização dos concertos é da Secretaria Municipal de Cultura de Indaiatuba e da Associação Mantenedora da Orquestra de Indaiatuba (AMOJI).

Datas: 10, 24 e 30 de julho
Horário: 20h 

 

foto: Felipe Gomes