UTIs lotadas em Indaiatuba, Salto e Itu; Região soma mais 3 mortes por covid

Novas mortes por covid na região

  • Foram 2 mortes em Indaiatuba e 1 em Itu;
  • Salto tem 2 óbitos suspeitos;
  • Não há vagas de UTI nos 2 hospitais de Indaiatuba;
  • Em Itu, 2 UTIs também estão lotadas;
  • Salto está sem vagas de UTI em seu único hospital público

Assim como no restante do Brasil, a pandemia apresenta piora também na região. Não há vagas de UTI para pacientes com covid nos hospitais de Indaiatuba, tanto da rede pública quanto privada, assim no Hospital Nossa Senhora do Monte Serrat, único que atende SUS em Salto; em Itu, o Hospital Municipal e o Hospital de Campanha, este exclusivo para contaminados pelo coronavírus, também estão lotados. Na Santa Casa, a ocupação está acima de 80%. Nas últimas 24 horas, foram confirmadas mais 3 mortes por covid, sendo 2 em Indaiatuba e 1 em Itu.

Em Indaiatuba, um óbito ocorreu no Haoc (Hospital Augusto de Oliveira Camargo): uma mulher de 55 anos, internada desde o dia 17 de fevereiro; e o outro em hospital de Artur Nogueira: uma mulher de 84 anos, hospitalizada em 1º de fevereiro. Nesta quarta-feira, 03, segundo a Secretaria de Saúde local, foram diagnosticados mais 86 casos positivos de covid, mas há 1.784 suspeitos ainda sem resultados de exames, que seguem atrasados na cidade.

Desde o início da pandemia, 15.221 pessoas contraíram a doença no município. Desses, 361 morreram e 14.796 são considerados curados ou estão em recuperação domiciliar. Há 83 internados, dos quais 64 estão confirmados para covid-19. Do total, 46 estão em leitos clínicos e 37 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). A situação das UTIs continua crítica em Indaiatuba, sem vagas em seus 2 hospitais, o Haoc e o Santa Ignês. Já os leitos extras contratados pela Prefeitura em hospitais da Grande Campinas para transferir os doentes da cidade estão com 75% de ocupação. Na rede privada, os leitos clínicos também estão com taxa de ocupação acima de 90%.

Itu confirmou a morte de um paciente de 57 anos. Com isso, a cidade soma 179 óbitos por covid. Nesta quarta, 03, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, foram registrados mais 53 novos infectados e o total foi a 8.696 casos confirmados desde o começo da epidemia, sendo que 8.123 se recuperaram. Há 26 suspeitos aguardando resultados de testes, 28 pacientes internados em leitos clínicos e 29 em UTI. As UTIs do Hospital Municipal e do Hospital de Campanha estão lotadas. A outra unidade intensiva da cidade, a da Santa Casa, está em situação crítica, com 88% de ocupação.

Salto, segundo a Prefeitura, tem 2 mortes suspeitas de covid. Nesta quarta, 03, foram diagnosticados 37 novos infectados, mas o número de suspeitos testados e sem resultados continua muito alto: 1.170. A cidade soma agora 5.820 contaminados desde o início do surto, sendo que 130 pacientes morreram e 5.658 se recuperaram. Há 27 pacientes positivos para covid internados, sendo 5 em UTI. Entre os suspeitos, 21 estão internados, 4 em UTI e 488 em isolamento domiciliar. A UTI da rede pública, no Hospital Municipal Nossa Senhora do Monte Serrat, continua lotada. Não há informação sobre a taxa de ocupação da rede privada.

foto: BIRF