Concerto online mescla arte e música

Obra de Tarsila do Amaral que fará parte do projeto online do Masp com a Osesp

Série Osesp-Masp começa em agosto e mescla música com artes plásticas. Veja a programação e como assistir online

Duas das instituições culturais mais simbólicas de São Paulo, o Masp (Museu de Arte de São Paulo) e a Osesp (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo) retomam, na próxima quarta, dia 05 de agosto, a série de concertos Osesp-Masp. Desde 2015, o evento combina arte e música no palco do Masp Auditório. Em razão das medidas de isolamento social impostas pela pandemia de covid-19, as apresentações foram reformuladas. Todos os concertos ocorrerão no Auditório do Masp, sem plateia, e serão transmitidos ao vivo pelas páginas do museu no Facebook e no YouTube. Os vídeos ficarão disponíveis nas redes sociais do Masp posteriormente por tempo ilimitado. O patrocínio, neste ano, é de Goodyear, Nova Energia e Klabin.

O objetivo do projeto é estabelecer diálogos entre a arte e a música, relacionando similaridades estéticas e históricas de ambas. Por isso, cada apresentação é comentada por um especialista convidado, que faz conexões entre obras do acervo do Masp e as composições musicais.

Na apresentação de estreia, dia 05, às 20h, a programação começa com uma fala de Sérgio Molina, compositor, coordenador-geral de música na Faculdade Santa Marcelina e autor do livro “Música de Montagem”. Ele relaciona a obra “Composição (Figura só)” (veja foto), 1930, de Tarsila do Amaral, com o repertório de Ernst von Dohnanyi, Heitor Villa-Lobos e Benjamin Britten.

As composições serão executadas pelo Quarteto Chromos, com Joel Gisiger no oboé, Matthew Thorpe no violino, Ederson Fernandes na viola e Jin Joo Doh no violoncelo.

Foto: Tarsila do Amaral – Composição (Figura só), 1930 – Comodato MASP Ronaldo Cezar Coelho – em foto de Eduardo Ortega