Pandemia adia exposição “Tarsila” no Museu Fama em Itu

Uma das raridades de Tarsila do Amaral

A abertura da exposição “Tarsila: estudos e anotações”, marcada para
este sábado, 14 de março, no FAMA Museu, em Itu, foi adiada em função da
pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2),
conforme anunciado dia 11 pela Organização Mundial de Saúde (OMS).
        A nova data para abertura da mostra será decidida nos próximos dias,
com base nas orientações das autoridades de saúde, informou a direção do
museu ituano.
        Conforme noticiado pela Revista Regional, a exposição trará a Itu um
conjunto raro composto por 203 desenhos de Tarsila do Amaral. O material
estava longe da vista do público há mais de cinco décadas, engavetado em uma
coleção privada. Os desenhos foram exibidos uma única vez, em 1969, no Museu
de Arte Moderna do Rio de Janeiro, em exposição organizada pela crítica e
historiadora de arte Aracy Amaral, que agora assina a curadoria da atual
mostra ao lado da pesquisadora Regina Teixeira de Barros.
        Produzidas entre 1910 e 1940, as obras registram as várias fases da
artista e apresenta temas recorrentes em sua linguagem, como as vistas de
viagens que ela fez pelo Brasil afora, desde as bucólicas cidades históricas
mineiras, até suas andanças pela Europa e passagem pelo deserto do Egito.

foto: Hugo Curti