Itu terá “Caminhada Histórica”

Itu terá “Caminhada Histórica”

Roteiro traz diálogo com a obra do Padre Jesuíno do Monte Carmelo; evento percorrerá eixo histórico, passando por igrejas e museus

 

No próximo domingo, 09 de fevereiro, as ruas centrais de Itu serão palco de uma intervenção do Coral Vozes de Itu para celebrar o aniversário da cidade. Uma Caminhada Histórica pelo patrimônio local está sendo organizada pelo Museu da Música – Itu em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e do Patrimônio Histórico da Prefeitura de Itu. O objetivo é comunicar a arte colonial em suas diversas linguagens: arquitetura, pintura sacra, música e oratória em torno da figura do Padre Jesuíno do Monte Carmelo.

O evento terá início às 9h30 na Igreja Matriz da Candelária, na praça Padre Miguel, e se encerrará no Espaço Fábrica São Luiz, passando pelos Museus Republicano e da Energia e pela Igreja do Bom Jesus.

Ao longo do percurso, o público poderá ouvir as composições do Padre Jesuíno, mais antigo conjunto de obras musicais de Itu, com 200 anos de história, trechos do elogio feito ao compositor pelo Padre Diogo Antonio Feijó (Regente do Império) e comentários sobre a vida e a obra do artista. Participam do evento o ator Juliano Mazurchi e o professor Luís Roberto de Francisco.

A performance coincide com a exposição “Pintura e música na arte colonial paulista: Jesuíno do Monte Carmelo”, instalada no Museu de Arte Sacra de São Paulo, e aberta ao público até 22 de março.

Todos os interessados poderão participar da Caminhada Histórica, que conta com apoio do Instituto Cultural de Itu, Associação Cultural Vozes de Itu, Paróquia de Nossa Senhora Candelária, Museu Republicano Convenção de Itu da USP e Fundação Energia e Saneamento de São Paulo.

 

Foto: Arquivo/Revista Regional