Eva Wilma se apresenta em Salto

Eva Wilma

Dama do teatro brasileiro estará em “Casos e Canções”, espetáculo gratuito na Sala Palma de Ouro; veja data e como assistir

 

Dia 09 de fevereiro, domingo, às 20h, Circuito SP – Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura e Economia Criativa, APAA – Associação Paulista dos Amigos da Arte e Prefeitura de Salto, por intermédio da Secretaria da Cultura, apresentam a atriz Eva Wilma, em “Casos e Canções”, na Sala Palma de Ouro, em Salto.

Uma das maiores atrizes brasileiras em atividade, Eva mostra agora sua faceta como cantora. No recital, Eva une-se ao filho compositor, violonista e cantor John Herbert Jr., ao pianista e cantor William Paiva e ao diretor cênico Eduardo Figueiredo para apresentar canções, prosas e versos da cultura e da música popular brasileira que tiveram importância na vida da artista. Assim, o trio convida o público a embarcar numa viagem lúdica e musical por algumas das canções e imagens que se eternizaram e marcaram a memória cultural do país nos últimos 65 anos.

Dessa época, comparecem no repertório “Felicidade”, de Lupicínio Rodrigues e “O Trenzinho do Caipira”, de Ferreira Gullar e Heitor Villa Lobos. Da adolescência, quando foi aluna de Inezita Barroso, uma homenagem à mestra, com “Uirapuru” e “Azulão”. O amigo Baden Powell também ganha reverência, com “Bom Dia Amigo”, parceria dele com Vinícius de Moraes, e “Violão Vagabundo”, tema da personagem da gêmea Raquel, que Eva interpretou em “Mulheres de Areia”, novela exibida pela TV Tupi em 1973.

Das lembranças da trama de Ivani Ribeiro, vêm também as instrumentais “First Love” e “Last Love”, tocadas por William e John e produzidas à época por Arnaldo Saccomani com a Orquestra Phonoband, e uma homenagem a Adoniram Barbosa, que atuou na novela como o pescador Chico Belo, com a versão do trio para “Tiro ao Álvaro” e “Saudosa Maloca”.

O clássico “Sorri”, versão de Braguinha para “Smile”, de Charlie Chaplin, enriquece a narrativa, além de outras referências a canções da Bossa Nova, MPB, Tropicália, Beatles, que William e John sugerem nos instrumentos, costuram e servem de fundo musical às histórias contadas por Eva.

A entrada é franca, porém a distribuição de ingressos será realizada uma hora antes do espetáculo, na bilheteria do teatro. O número de cadeiras é limitado.

 

MAIS: A Sala Palma de Ouro fica na rua Prudente de Moraes, 580, Centro, Salto.

 

 

foto: Divulgação