Itu e Amazônia recebem italianos no musical “Viaggio”

O renomado tenor Massimiliano Barbolini estará em Itu antes de se apresentar em meio à floresta amazônica

No dia 21 de setembro (sábado), às 20h, no auditório do Sincomércio em Itu (rua Maestro José Vitório, 137), a Associação Emiliano Romagnola Bandeirante de Salto e Itu, com o apoio do Sincomércio, apresentará o espetáculo musical internacional Viaggio, com a participação dos renomados cantores italianos de Modena: Massimiliano Barbolini (tenor) e Cláudio Mattioli (barítono, pianista e fissarmonista). O musical, já apresentado no Morgan Park em Nova York,  também está incluído na turnê que os referidos cantores farão no mês de outubro na Amazônia, apresentando-se nas comunidades ribeirinhas daquela região.

O espetáculo é uma verdadeira viagem pelas mais famosas árias das óperas e canções populares italianas do passado e do presente. As árias da Traviata, de Rigoletto, de Nabucco, mas também as composições pop de Lucio Dalla, Zucchero e Modugno ressonarão no templo verde que é a floresta amazônica. O projeto, denominado Fitzcarraldo, idealizado pelo jornalista Oliviero Pluviano, tem o objetivo de levar às comunidade ribeirinhas da Amazônica projetos culturais e artísticos. Para adentrar no rio Arapiuns, no Estado do Pará, afluente do rio Tapajós, 30 km antes deste desembocar no Amazonas, será utilizado o barco Gaia, comprado por Oliviero há sete anos, para ajudar no atendimento médico da região de Santarém. Quando o projeto “Saúde e alegria” ganhou um barco-hospital próprio, o Gaia ficou sem função. E Oliviero resolveu usar a gaiola para compartilhar sua paixão com as comunidades mais isoladas.

Com ajuda de uma indústria italiana no Brasil e da parceria cultural entre os dois países, nasceu o projeto Fitzcarraldo. O nome, o italiano tomou emprestado de um filme que conta a história de um outro europeu fascinado pela Amazônia. “No filme ‘Fitzcarraldo’, o protagonista Klaus Kinski quer trazer a ópera italiana para o coração da Amazônia.

O renomado tenor Massimiliano Barbolini aperfeiçoou seus estudo com o maestro Luciano Pavarotti e Paolo Barbacini. Tem no seu currículo uma série de participações em turnês na Itália e no mundo (Konzerthause de Viena, Ópera Cômica de Paris), onde foi dirigido por famosos diretores de orquestra.

Claudio Mattioli, por sua vez, é um barítono, formado em piano e fissarmônica, que já atuou em mais de 27 papéis diferentes em óperas nos melhores teatros do mundo. Compositor de óperas e musicais, cenógrafo e diretor dos espetáculos apresentados pelo Gruppo Amarcòrd, do qual é diretor artístico. Tais espetáculos têm conseguido grande sucesso graças a sua inovativa linguagem musical da qual ele mesmo é protagonista.

 

MAIS: Os ingressos custam R$ 30,00 e estão à venda no Sincomércio em Itu e na Loja BelCris em Salto (rua Rio Branco, 541)

 

Foto: Divulgação